OVO, UM ALIMENTO COMPLETO!

PrevNext
nutrientes-ovo

OVO, UM ALIMENTO COMPLETO!

O ovo é considerado o segundo alimento mais completo do mundo, ficando atrás apenas do leite materno.

O ovo é um dos alimentos mais enaltecidos dos últimos tempos.

Isso porque se percebeu que o ovo é um alimento riquíssimo e oferece diversos benefícios para a saúde e crescimento.

Afinal, um alimento que dá origem a uma vida não nos poderia fazer mal, não é mesmo?

No texto de hoje vamos trazer uma visão geral sobre o ovo e todos os seus benefícios para saúde.

Continue lendo e entenda por que você deve considerar incluir o ovo na sua dieta sem medo.

NUTRIENTES DO OVO

Uma imagem contendo mesa, comida, prato

Descrição gerada automaticamente

O ovo é uma das melhores fontes de proteína animal, carregam o título de alimento mais completo da natureza.

Os ovos são baratos, acessíveis, fáceis de armazenar, são de fácil preparo, podem ser consumidos sozinhos ou utilizado com base no preparo de diversas receitas, ou seja, é um alimento muito versátil.

Eles fornecem um equilíbrio quase perfeito de aminoácidos, vitaminas, nutrientes e antioxidantes.

Um ovo grande tem apenas 74 calorias e fornece 6g de proteína de qualidade, cerca de 5g de gordura e quase nenhum carboidrato. 

O ovo é rico em proteína, a proteína é importante para construir e manter os músculos, combater infecções e fazer crescer cabelos e unhas. 

Incluir proteínas nas refeições também nos ajuda a sentirmos saciados e satisfeitos ao longo do dia.

Além da alta dose de proteína, os ovos possuem outras diversas vitaminas e minerais.

Algumas dessas vitaminas e minerais estão presentes apenas na gema do ovo.

Lembre-se, o ovo é um alimento completo, mas desde que consumido inteiro, ou seja, consumir tanto a clara quanto a gema.

As vitaminas e minerais do ovo são:

Ferro: O ferro transporta oxigênio para as células, ajuda a prevenir anemia.

Vitamina A: Ajuda a manter a pele e o tecido ocular saudáveis, a vitamina A é excelente para a visão.

Vitamina D: Fortalece os ossos e dentes e pode ajudar a proteger contra certos tipos de câncer e doenças autoimunes.

Vitamina E: A vitamina E é um antioxidante que desempenha um papel na manutenção da boa saúde e na prevenção de doenças.

Vitamina B12: Ajuda na preservação e reparação do DNA, equilíbrio do sistema nervoso, entre outros.

Folato: O folato é essencial para o desenvolvimento do sistema nervoso do feto, ele ajuda a produzir e manter novas células, ele ajuda a proteger contra defeitos congênitos graves.

Selênio: Também é um poderoso antioxidante, ajuda a prevenir doenças cardiovasculares, auxilia no bom funcionamento da tireoide, fortalece o sistema imunológico, dentre outros benefícios.

Colina: A colina desempenha um papel importante no desenvolvimento das funções cerebrais.

Os ovos também contêm pequenas quantidades de quase todas as vitaminas e minerais exigidos pelo corpo humano, incluindo cálcio, ferro, potássio, zinco, manganês, luteína, zeaxantina e muitos mais.

Como podemos ver, o ovo é um alimento bem rico e completo.

BENEFÍCIOS DO OVO

O primeiro benefício que podemos citar é o alto teor nutritivo.

Como vimos nos trechos acima, o ovo é um alimento completo e inclui-lo na sua dieta é benéfico para saúde

Outros benefícios do ovo incluem:

Músculos:  O ovo é fonte de proteína, e a proteína contida nos ovos ajuda a manter os músculos funcionando bem enquanto diminui a taxa de perda. Por isso está sempre presente da marmita de quem frequenta academias.

Saúde do cérebro: O ovo contém vitaminas e minerais necessários para o funcionamento regular das células, incluindo o cérebro, o sistema nervoso, a memória e o metabolismo. Os nutrientes contidos no ovo são benéficos para as células cerebrais e promovem o funcionamento saudável do cérebro.

Produção de energia: O ovo contém todas as vitaminas e minerais diários necessários para produzir energia em todas as células do corpo.

Sistema imunológico: A vitamina A, a vitamina B12 e o selênio são essenciais para manter o sistema imunológico saudável.

Menor risco de doenças cardíacas: A colina desempenha um papel importante na degradação do aminoácido homocisteína, que está associado ao desenvolvimento de doenças cardíacas.

Visão: O ovo também contém dois antioxidantes muito importantes chamados luteína e zeaxantina, que ajudam a manter a boa saúde dos olhos, especialmente à medida que envelhecemos. A luteína e a zeaxantina ajudam a prevenir a degeneração macular, a principal causa de cegueira relacionada à idade e reduzem significativamente o risco de catarata.

Emagrecimento e manutenção:  A alta qualidade da proteína do ovo pode ajudar a manter as pessoas mais saciadas por mais tempo. Sentir-se cheio evita lanches, o que reduz a ingestão geral de calorias e isso pode ter um impacto significativo na perda de peso.

Benefícios para a pele: Algumas vitaminas e minerais do ovo ajudam a promover uma pele saudável e a prevenir a degradação dos tecidos corporais. Um forte sistema imunológico também contribui para uma aparência geral saudável.

OVO E COLESTEROL

Sim, o ovo é rico em colesterol, mas isso não é motivo para ter medo.

Durante muito tempo o colesterol do ovo carregou a má reputação de que consumir ovos elevaria os níveis de colesterol e posteriormente a doenças cardíacas.

Porém, diversos estudos comprovaram que o ovo era erroneamente injustiçado e que não havia relação entre o consumo de ovos e aumento das doenças cardíacas ou acidente vascular cerebral (AVC).

O colesterol é fundamental para criação de hormônios, ácidos biliares, entre outras funções.

O corpo recebe colesterol através da produção do próprio fígado e através da alimentação.

Quando comemos alimentos que são mais ricos em colesterol o nosso fígado diminui a produção de colesterol pelo próprio corpo.

Da mesma forma que ao diminuir a ingestão de colesterol pela dieta o corpo precisa produzir mais colesterol para compensar.

O ovo aumenta os níveis de HDL, que é conhecido como colesterol bom.

E o aumento dos níveis de HDL previne doenças cardíacas.

O ovo também modifica o perfil do colesterol LDL, conhecido como colesterol ruim.

O consumo de ovo aumenta o tamanho das partículas de LDL, o que diminui o risco delas se acumularem das artérias.

 

A COR DOS OVOS

Ovos brancos ou marrons, qual o seu preferido?

Muita gente acha que o ovo marrom é mais natural e nutritivo e que o ovo branco é cheio de processos químicos.

Mas será que isso procede?

A verdade é que a cor do ovo depende da raça da galinha que o pôs.

Estudos comprovaram que a casca do ovo não tem qualquer relação com o teor nutricional do ovo.

Tanto os marrons quantos os brancos são iguais em termos de nutrição.

A variação de cor fica apenas por conta da raça da galinha.

O que de fato pode gerar alguma pequena alteração no valor nutricional de um ovo é como a galinha foi criada.

Galinhas criadas em pastos e que ficam mais expostas ao sol tendem a ter ovos enriquecidos com vitamina D, por exemplo.

A alimentação da galinha também pode influenciar nos ovos, por exemplo, galinhas que são alimentadas com rações ricas em ômega 3, tendem a ter ovos mais ricos em ômega 3.

CONCLUSÃO

Uma imagem contendo olhando, frente, mesa, em pé

Descrição gerada automaticamente

No texto de hoje vimos o porquê de o ovo ser um alimento tão completo.

Rico em proteínas e diversas vitaminas e minerais o ovo é um alimento de alto teor nutricional.

O ovo contém vitaminas e minerais como: ferro, vitamina A, vitamina D, vitamina E, vitamina B12, folato, selênio, colina, cálcio, ferro, potássio, zinco, manganês, luteína, zeaxantina e diversos outros.

Incluir o ovo na alimentação traz diversos benefícios a saúde como: formação, melhora e aumento dos músculos; saúde do cérebro, produção de energia, melhora e aumento do sistema imunológico; diminuição do risco de doenças cardíacas; excelente para visão, emagrecimento e manutenção do peso, além de benefícios para pele.

Falamos também que o ovo não aumenta os níveis de colesterol e não causa doenças cardíacas.

Por fim, esclarecemos que a cor da casca, seja ela branca ou marrom, não influencia no teor nutricional do ovo, essa variação de cor se dá apenas pela raça da galinha.

Já fatores como criação e alimentação das galinhas podem influenciar um pouco na qualidade nutricional do ovo.

E aí, já incluiu o ovo na sua dieta?

COMPARTILHAR O ARTIGO

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Nutricionista e trabalha com a área de emagrecimento. se dedica em tempo integral ao seu trabalho e procura se inovar sempre no segmento nutricional.

CONTATO

© Bernardo Maia . Feito com ♥ por Agência Primage

× Fale Conosco!