Jejum Intermitente – Como quebrar?

PrevNext
jejum1

Jejum Intermitente – Como quebrar?

Se você está pensando em começar o Jejum Intermitente ou se está iniciando nesse estilo de vida, deve estar se perguntando o que comer após o Jejum, como quebrá-lo, e quais alimentos irão potencializar seus resultados.

Muita gente pensa que só porque está fazendo o Jejum Intermitente pode comer sem responsabilidade e sem culpa durante a sua janela de refeições, afinal ela ficou muitas horas sem ingerir alimentos, mas não é bem assim que as coisas funcionam.

Se você quer usar o Jejum Intermitente como estratégia para perda de peso, deve saber desde já, que o sucesso do Jejum Intermitente para o emagrecimento não está ligado ao período do Jejum em si, mas sim ao que você come após o período em Jejum.

Explicaremos melhor essa relação ao decorrer desse artigo.

Durante o período em Jejum os seus níveis de insulina estão mais baixos e o seu corpo prioriza queimar a sua reserva de gordura para obter energia.

É essa queima de gordura durante o Jejum que irá proporcionar o emagrecimento, além de controlar os seus níveis de insulina.

Porém, de nada adiantará você passar 16, 18, 24 horas ou mais em Jejum, se no momento da quebra do Jejum você consome alimentos ricos em açucares e carboidratos ruins que irão elevar drasticamente os seus níveis de insulina.

Para obter plenamente os benefícios do Jejum Intermitente para emagrecimento e melhora das funções metabólicas, é fundamental se atentar ao que comer após o Jejum, a fim de manter a queima de gordura e os níveis de insulina controlados.

Para entender como a insulina influencia no seu emagrecimento clique aqui.

 

POR QUE DEVEMOS TER CUIDADO AO QUEBRAR O JEJUM? 

A lógica do Jejum é manter o seu corpo com níveis baixos de insulina e sem ingestão de calorias.

Durante o período em Jejum o seu corpo irá recorrer as suas reservas de gordura como principal fonte de energia para o seu corpo e, é justamente nesse momento que você perde peso.

Contudo, se ao quebrar o Jejum você faz uma refeição ou mais de uma refeição rica em carboidratos, açúcares, refrigerantes, fast foods, frituras, massas, bolos, pães etc., alimentos não saudáveis, com alto indicie glicêmico e com valor calórico muito alto, esses alimentos irão elevar os níveis de insulina no seu sangue e aumentar a sua ingestão calórica diária.

Devido aos altos níveis de insulina provocados pela alimentação “ruim” após a quebra do Jejum, o seu corpo irá precisar transformar essa glicemia que está em excesso em gordura e, é nesse momento que você engorda e ganha peso.

Logo, não terá praticamente nenhum efeito ter ficado algumas horas em Jejum, ter desfrutado de baixos níveis de insulina, da baixa ingestão calórica, ter a queima de gordura priorizada na produção de energia, se, logo após, você faz uma refeição que irá elevar os níveis de insulina e desencadear um processo de geração de gordura e fazer com que você ganhe peso novamente.

Além da elevação da insulina, se você fizer uma refeição rica em calorias também diminuirá os benefícios do Jejum. O sucesso no emagrecimento depende de níveis de insulina controlados e restrição calórica.

Se ao fazer uma restrição de calorias durante o Jejum, como, por exemplo, retirando o seu café da manhã, logo, você teve um déficit calórico no seu dia, o seu corpo deixou de receber as calorias daquele café da manhã e isso irá contribuir para o seu emagrecimento.

Porém, se no momento da quebra do Jejum, você faz uma refeição grande, como muitas calorias, logo, você só terá realocado as calorias do seu café da manhã para o período da tarde ou noite, ao final do dia o seu corpo não terá o déficit calórico, ao fim do dia ele terá recebido a mesma quantidade de calorias de um dia onde não houve o Jejum, consegue compreender?

Então, como dito no início desse artigo, o sucesso da perda de peso através do Jejum Intermitente está em como você se comporta após o período do Jejum e não somente no período em que você esteve em Jejum.

 

O QUE DEVO COMER NO MOMENTO DA QUEBRA DO JEJUM?

Programe-se. Programação é fundamental para ter sucesso nas suas refeições e no processo de emagrecimento.

Procure quebrar o seu Jejum com alimentos leves e saudáveis, para que você possa continuar a desfrutar dos benefícios do Jejum para o emagrecimento.

Fazer uma refeição Low Carb ou Cetogênica é o ideal.

Para quebrar o Jejum é fundamental que você consuma alimentos leves, ricos em proteínas, gorduras boas, vegetais, folhosos e legumes.

Durante e após o período em Jejum é fundamental manter o seu corpo hidratado, então beba bastante água.

Quando você está em Jejum o seu sistema digestivo ele está em repouso e não é interessante dar um “choque” com alimentos ricos em açucares e carboidratos, além de você estar irritando o seu intestino você estará diminuindo os benefícios de ter ficado em Jejum.

Evite alimentos processados e industrializados como: macarrão, pães, bolos, doces, biscoitos, pizzas, sorvetes, refrigerantes ou álcool. Esses alimentos têm alto indicie glicêmico e calórico e irão impactar na sua insulina e na quantidade de calorias diárias.

Alguns exemplos de alimentos para comer no momento da quebra do Jejum:

 

Proteínas

Insira proteínas na sua refeição de quebra de Jejum, as proteínas irão proporcionar alto teor de saciedade e assim fazer com que você demore mais tempo para sentir fome novamente, as proteínas poderão ser:  ovos, carnes de peixes, carnes de aves, carnes vermelhas e queijos.

 

Vegetais e Folhosos

Vegetais e folhosos são alimentos que podem ser consumidos em praticamente qualquer tipo de dieta. Prefira vegetais de baixo amido, com baixo índice glicêmico como: brócolis, tomate, alface de todos os tipos, pepino, couve-flor, acelga, couve, aspargos, espinafre, rúcula e assim por diante.

Os vegetais de coloração verde escuro são ideias por terem alta concentração de proteínas e ferro.

 

Gorduras Boas

As gorduras boas naturais também fornecem grande sensação de saciedade, você pode optar por: Abacate, bacon, manteigas, ghee, azeite de oliva, castanhas, amêndoas, coco, óleo de coco, nozes, linhaça, chia, chocolate amargo.

 

Frutas

As frutas também são bem-vindas na refeição de quebra do Jejum, prefira frutas com baixo índice glicêmico como: morangos, kiwi, damasco, cereja, maçã, laranja, ameixa. Ao escolher as frutas prefiras as maiores que ofereçam uma única porção, as frutas menores onde você precise comer mais de uma unidade devem ser evitadas para não desencadear a compulsão alimentar e você acabar comendo mais do que deveria. E o principal: a fruta deve ser combinada com os vegetais e proteínas, mas não sozinha. Não quebre seu jejum com uma fruta, mas a fruta pode participar dessa refeição.

 

Carboidratos Complexos

Nas suas refeições você também pode optar por carboidratos naturais, ou seja, não industrializados, por serem de baixo índice glicêmico e possuírem boa quantidade de fibras. Esses carboidratos são contemplados numa dieta Low Carb, mas não exagere neles, você pode optar por: aipim, batata doce, inhame, cará, mandioquinha e mandioca, por exemplo. Mas da mesma forma que as frutas, não pode quebrar somente com isso. Sempre deve ter proteína na sua refeição para quebrar o jejum, sendo ovos ou carnes em geral.

Fazer uma refeição equilibrada, leve e saudável é fundamental para o sucesso do seu Jejum, principalmente se seu objetivo for a perda de peso através dessa estratégia.

O Jejum Intermitente será um aliado poderoso nesse processo, mas devemos lembrar, mais uma vez, que seu sucesso depende exclusivamente dos tipos de alimentos que você irá ingerir na sua janela de refeições ou no seu período alimentado.

Mantenha o equilíbrio e escute o seu corpo, escolha bons alimentos e os que podem proporcionar maior saciedade, tenha cuidado como os alimentos que podem desencadear compulsão alimentar.

Não fique preso apenas aos alimentos citados aqui, eles foram somente alguns exemplos gerais de como você pode montar uma refeição saudável para quebra do seu Jejum, logicamente a sua refeição não deve conter todos os alimentos citados, o que vale é o bom senso e seguir as recomendações do seu médico ou nutricionista.

COMPARTILHAR O ARTIGO

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Nutricionista e trabalha com a área de emagrecimento. se dedica em tempo integral ao seu trabalho e procura se inovar sempre no segmento nutricional.

CONTATO

© Bernardo Maia . Feito com ♥ por Agência Primage