fbpx

       

 

 

Dieta Cetogênica e jejum intermitente: a dupla perfeita!

PrevNext
shutterstock_1027820371

Dieta Cetogênica e jejum intermitente: a dupla perfeita!

Eu considero perfeita a combinação da dieta cetogênica com o jejum intermitente para quem busca queimar gordura, tanto para emagrecimento quanto para quem sofre com doenças como gordura no fígado, dislipidemia, diabetes tipo 2, entre outras. Isso porque quando fazemos uma restrição severa de carboidratos, nosso organismo aumenta a produção de corpo cetônico. 

Estou falando de substâncias produzidas através da gordura e que fazem o mesmo papel da glicose, ou seja, quem estava consumindo açúcar começa a usar mais gordura e isso é ótimo para quem quer emagrecer e diminuir as taxas de gordura no sangue e visceral.

Dieta cetogênica e jejum intermitente

A dieta cetogênica é densa em nutrientes por utilizar alimentos à base de proteínas e gorduras e vegetais fibrosos de baixo amido, aumentando a saciedade e tendo no jejum intermitente a consequência do processo. Isso acontece porque você terá  picos de fome em raros momentos do dia e, com isso, vai gerar déficit calórico, afinal, o volume calórico da refeição vai diminuir e o número de refeições no dia também, o que se torna um ambiente perfeito para queimar gordura estocada.

Mas é importante reforçar que se você não respeitar o que eu disse acima, a queima de gordura pode dar errado. Nosso fígado pode tanto usar nossa reserva de gordura quanto a gordura que nós comemos. Por isso, é bem comum pessoas tentarem fazer por conta e não emagrecerem.

O que pode dar errado na dieta cetogênica?

Quem adota a dieta cetogênica pode não conseguir emagrecer como deseja. Isso acontece porque acaba errando no consumo de gordura, exagerando na ingestão de laticínios, embutidos, oleaginosas e demais fontes,  subindo muito o valor calórico da dieta. Nesse caso, o organismo usa essa gordura da alimentação para produção dos corpos cetônicos e menos da nossa reserva. Isso ainda será melhor do que comer muita farinha e açúcar, porém, pode não te levar ao resultado esperado.

Realizar a dieta cetogênica significa que o corpo vai usar gordura como fonte principal de energia, porém, o quanto ele usará quem determina é o seu nível de atividade diário. É ele que também vai determinar o ritmo do seu emagrecimento. Quanto mais ativo você for, maior a necessidade de criar corpos cetônicos e, consequentemente, maior sua queima de gordura e emagrecimento.

Quer saber mais sobre a dieta cetogênica e o jejum intermitente? Eu tenho um outro artigo falando um pouquinho mais sobre o assunto, você pode acessá-lo aqui.  Ou entre em contato e agende uma consulta! É só clicar aqui.

Grande abraço, Bernardo Maia 

COMPARTILHAR O ARTIGO

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Nutricionista e trabalha com a área de emagrecimento. se dedica em tempo integral ao seu trabalho e procura se inovar sempre no segmento nutricional.

CONTATO

© Bernardo Maia . Feito com ♥ por Agência Primage